Festival reúne em Camaçari representantes da dança de várias partes do país

Ballace 2017 Foto Marilton Trabuco Apresentação Grupo

De 31 de maio a 03 de junho, Camaçari e o Teatro Cidade do Saber voltam a sediar um dos maiores eventos da dança no Brasil destinado a estudantes, amantes e profissionais desta arte. Trata-se da 13ª edição do Festival Nacional de Dança – Ballace, que, em sua abertura, no dia 31, às 18h, trará a apresentação de um dos 10 melhores espetáculos de dança de 2017 (segundo a Revista Bravo!), LubDub, do Balé Teatro Castro Alves (BTCA), em sessão especial para os participantes inscritos no evento, convidados e alunos de turmas de dança do Município.

A cidade de Camaçari se tornou a sede afetiva e identitária deste grande evento, onde o Ballace já foi realizado em 10 das suas edições anteriores e, em 2018, retoma o posto de capital nacional da dança, durante os quatro dias do Festival, quando estarão reunidos no local mais de 1000 bailarinos participantes, sendo 400 inscritos em atividades formativas (cursos e oficinas) e 600 que comporão os elencos da Mostra Competitiva.

São estudantes e professores de 30 diferentes escolas de dança, vindos de pelo menos cinco estados brasileiros, além da Bahia, que terá representantes de dezenas de municípios, a exemplo de Salvador, Cruz das Almas, Itabuna, Alagoinhas, Porto Seguro, Feira de Santana, entre outros. Nesta edição, além das categorias que fazem parte da trajetória do Ballace (Contemporâneo, Clássicos de Repertório, Variações, Jazz, Musical e o Sapateado, este mais recentemente), duas novas categorias, Danças Populares e Danças Urbanas,  integram a Mostra Competitiva, conectando ainda mais o evento com a riqueza, a pluralidade e a diversidade do universo da dança.

Iniciado em 2006, o Ballace busca promover e divulgar a dança na Bahia, e, para tanto, conta com uma ampla estrutura para apresentações de palco, oficinas, cursos e palestras, no palco principal, foyer e auditórios do Teatro Cidade do Saber. Proporciona muitos encontros, trocas de experiências, incremento à formação, além de revelar, a cada ano, novos talentos.

Durante o Festival, professores das maiores companhias e escolas do Brasil, além de ministrarem aulas, integram a banca de jurados. Além da entrega de troféus e prêmios em dinheiro para os primeiros colocados, possíveis talentos revelados neste ano ganharão vagas para Summer Course internacionais e nacionais (Miami City Ballet), para o 8X Jazz e 4X Ballet no Rio de Janeiro. Serão disponibilizadas, ainda, vagas para a seletiva do Prix de Lausanne, além de vagas para o European Grand Prix em Viena e o Prix de Porto.

Nomes como: Alice Arja, diretora artística, coreógrafa, professora, responsável pelas Relações Internacionais na América do Sul do Miami City Ballet; Caio Nunes, presidente do Sindicato dos Profissionais de Dança do Rio de Janeiro, bailarino, coreógrafo, professor, mestre, diretor, jurado em concursos e mostras de dança, especialista em dança que trabalha na Rede Globo de Televisão; Tutto Gomes, professor, coreógrafo, ator, bailarino e preparador físico, Gisela Vaz presidente do Conselho Brasileiro de Dança, são alguns dos que compõem o casting de profissionais responsáveis pelas atividades formativas e seleção dos premiados.

O FESTIVAL

Mais do que um grande festival de Dança, que reúne muitos dos mais expressivos e reconhecidos nomes dessa linguagem artística que encanta e seduz as mais diversas plateias em todo o mundo, o Festival Ballace tem se calendarizado no município de Camaçari, é o único evento cultural de abrangência nacional a conservar a periodicidade no local, estabelecendo novas rotas para festivais culturais, para além das capitais.

Tem buscado contribuir para formação de plateia na cidade, ser um ambiente de trocas e oportunidades para os jovens participantes, inclusive os estudantes de dança da Cidade do Saber (programa sociocultural que há anos oferta uma variedade de cursos, muitos neste segmento da dança), dinamizar a economia criativa e o turismo cultural locais, com o envolvimento de profissionais do mercado cultural da cidade, aumento da ocupação de hotéis e pousadas, incremento a rede de comércio e serviços durante os dias de programação.

Neste contexto, tornou-se uma grande e sólida plataforma, não só para exibir um diverso painel da dança no Brasil e ser grande e inclusiva vitrine para a mostra de jovens talentos, mas também pelas contribuições objetivadas a médio e longo prazo na dinamização cultural da cidade que tão bem acolhe e recebe o evento.

O Ballace tem apoio da Prefeitura Municipal de Camaçari, através da Secretaria de Cultura e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico,  apoio cultural do Miami City Ballace School, Só Dança, Capezio, Revista Dança Brasil e a chancela do Conselho Brasileiro de Dança.

AGENDA DO BALLACE 2018

31 de maio de 2018 – Quinta feira

Secretaria 7:30 – 16:00

Ensaios de palco 7:30 – 12:00

Cursos e Oficinas 9:00 – 12:00

Outlet da Dança (Feira de Produtos) 9:00 – 20:00

Concurso Contemporâneo 14h

Abertura Oficial 18h

Festa a Fantasia 20h

01 de junho – Sexta feira

Secretaria 7:30 – 16:00

Ensaios de palco 7:30 – 12:00

Cursos e Oficinas  9:00 – 12:00

Outlet da Dança (Feira de Produtos) 9:00 – 20:00

Concurso Variações e Clássicos de Repertório 14h

Concurso Estilo Livre 18h

 

02 de junho – Sábado

Secretaria 7:30 – 16:00

Ensaios de palco 7:30 – 12:00

Cursos e Oficinas 7:30 – 12:00

Outlet da Dança (Feira de Produtos) 9:00 – 20:00

Concurso Jazz e Musical 14h

Concurso Clássico Livre 18h

03 de junho – Domingo

Ensaios de palco 7:00 – 10:00

Outlet da Dança (Feira de Produtos) 9:00 – 13:00

Concurso e Premiações Especiais 11h

(Sapateado, Danças Populares e Urbanas)

SERVIÇO:

O quê? Festival Nacional de Dança – Ballace

Onde? Teatro Cidade do Saber, em Camaçari-BA

Quando? 31/05 a 03/06

31/05, às 18h, abertura oficial com participação do Balé do Teatro Castro Alves

Ingressos a R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia), disponíveis a partir de 15/5 pelo ingressorapido.com.br

Inscrições encerradas para mostra competitiva e oficinas

Deixe uma resposta